Edson Matias Junior is still waiting for you to join Twitter…

ibis?uid=0&iid=7a59c0658eaa41f98ed258ed84ced2f3&nid=68+20+20131122&t=1
Top corners image
logo-main.png
Edson Matias Junior is still waiting for you to join Twitter… loadimage
Accept invitation
Twitter helps you stay connected with what’s happening right now and with the people and organizations you care about.
envelope-no-logo.png
You can unsubscribe from these emails at anytime or find answers to your questions at Twitter Support.

Twitter, Inc. 1355 Market St., Suite 900 San Francisco, CA 94103

WordPress 2.9.1

Após milhões de downloads da versão 2.9 e muitos feedbacks de vocês, nós estamos disponibilizando a versão 2.9.1. Esta versão resolve uma porção de problemas menores, bem como um problema muito inconveniente que quando se agendava uma publicação de artigos e os pingbacks não eram processados corretamente devidos incompatibilidades com alguns hosts, se isto estiver ocorrendo com você, por favor, atualize para a versão 2.9.1.

Fonte: WordPress.org

10 Comandos linux uteis no dia-a-dia

Procurar por todos os arquivos modificados nos ultimos N dias que contenham um texto especifico em seu nome:

find DIR -mtime -N -name “*TEXT*”

Por exemplo:

find ~ mtime -5 -name “*log*”

Irá mostrar todos os arquivos modificados nos ultimos 5 dias que tenha a palavra log em seus nomes.

Determinar qual processo esta usando mais memoria

ps aux | sort -nk 4 | tail

Irá mostrar os 10 processos que estão usando mais memoria, organizando de forma ascendente, de outra forma.

ps aux | sort -nrk 4 | head

Irá mostra os 10 processo que estão usando mais memoria agora organizando de forma descendente.

Mostrar o login do usuario que esta atualmente logado:

whoami

Mostrar a data usando formatos modificados

date +”%H:%M:%S”

Terá como saida o seguinte formato: HORA:MINUTO:SEGUNDOS, mas você pode especificar qualquer formato que é explicado nas paginas do man. As aspas são necessarias caso você queria usar espaços.

date command

Mostrar informações sobre determinado usuario:

finger $USER

Mostra o uso do disco rigido separado por partição

df -h

a chave -h diz ao df que mostre os tamanho de forma que humanos possam ler (KB,MB ou GB quando for o caso)

df -B 1K

Irá mostrar os tamanhos em kilobytes.

Mostra quais modulos foram carregados

lsmod

Adiciona ou remove um modulo no/do kernel Linux

Adicionando um modulo:

modprobe MODULE

Removendo um modulo:

modprobe -r MODULE

Procurar um arquivo usando o comando locate

locate FILENAME

Buscará na base de dados do locate (criada com updatedb) por qualquer caminho ou arquivo que contenha FILENAME.

Modificar a codificação de uma arquivo de texto:

iconv -f INITIAL_ENCODING -t DESIRED_ENCODING filename

Por exemplo:

iconv -f ISO-8859-16 -t UTF-8 myfile.txt

Modificará a condificação do arquivo myfile.txt de ISO-8859-16 (Romanian) para UTF-8.

Fonte: TuxArena

5 razões para ficar empolgado com o linux instalado no netbook

No final do ano passado, nós afirmamos que o seu prximo computador poderia ser um com o Linux instalado, devido ao crescimento constante do mercado de computadores para usuário final e também relacionado ao estrondo feito pelos “Netbook”, na epoca isso parecia que realmente ira acontecer. Mas, então o diretor de venda da MSI Estados Unidos Andy Tung acabou com a nossa alegria dizendo que a taxa de retorno dos computadores com Linux era alta em relação às maquinas com Windows. Por um tempo, pareceu que seria o fim das esperanças do novo boom do Linux para o usuário final. Ou foi até o fim desse mês quando Todd Finch, gerente senior de marketing da Dell, fez uma afirmação muito diferente. Ele percebeu que a taxa de retorno do Linux são praticamente iguais as do Windows. Será uma segunda chance para o Netbook Linux? Possivelmente.

Com tudo que foi dito, você não tem que comprar um Netbook com Linux pre-instalado para gostar do que esse sistema operacional (SO) “Alternativo” tem a oferecer. Há varia versões por ai que você pode testar sem precisar comprar. E existe muitas versões que ainda estão por vir, e isso nos anima muito.

Read the rest of this entry »

Quem realmente esta contribuindo com o Linux?

Por: Steven J. Vaughan-Nichols
Traduzido por: Edson Matias Junior

Eu no estava na conferencia Linux Plumber em Portland, OR, mas todos que prestaram ateno para o Linux sabe que Greg Kroah-Hartman, desenvolvedor do kernel do Linux e engenheiro da NOVELL, criticou a Canonical, a empresa por trs do Ubuntu, por contribuir ” nos ltimos 3 anos, do kernel 2.6.15 ao 2.6.27-rc6, Canonical ter feito 100 (cem) correes no kernel Linux. Isto como indicado por Kroah-Hartman, significa que a Canonical “fez 00.10068% de todo o desenvolvimento do kernel nos ltimos trs anos.” Em outras palavras: quase nada.

Kroah-Hartman veio criticar a Canonical pelo o que em seu ponto de vista uma contribuio mnima para o que realmente importante no Linux. Esto includos nisto programas como gcc (GNU Compiler Collection), o X.org, bloco fundamental dos sistemas grficos do Linux; Binutils, uma coleo de de ferramentas primarias do Linux, tenho certeza que os desenvolvedores do Debian ressentem a popularidade do Ubuntu batendo em suas cabeas. Este pronunciamento soou como uma musica direto de seu hinrio.

Eu certamente no vou descordar de deles. Kroah-Hartman esta certo. Quando se fala das fundaes do Linux, Canonical tem feito muito pouco.

E, a Canonical no esta discutindo esse ponto. O CTO do Ubuntu Matt Zimmerman respondeu ao discurso de Kroah-Hartman num artigo em seu blog. “O ponto fundamental dessa discusso que ele criou que a Canonical no contribui ao projeto tanto quanto a Red Hat, Novell e muitas outras organizaes que ele citou. a mais pura verdade. ” Mas Zimmerman continuou. “Ningum, e certamente no a Canonical, alguma vez reivindicou que a Canonical contribua em desenvolvimento to quanto a Red Hat e Novell. Ele esta reivindicando o que simplesmente nunca foi feito por parte da Canonical. “

Read the rest of this entry »

Source Engine da Valve portado para Linux

Tem havido rumores desde o ano passado que a Valve tem pensado seriamente em portar os jogos do Engine Source para o Linux, isso aps Valve Software comear a busca por um Engenheiro de Software Senior com a responsabilidade de portar os Jogos da plataforma Windows para plataforma Linux, a Valve Software ainda no anunciou nenhum cliente Linux de seus programas, mas a Phoronix recebeu informaes que confirmam que a Valve tem a inteno de portar a sua Engine mais popular para o Linux.

Este Engine de jogo, que teve sua primeira apario em 2004, mas que continua sendo atualizado, usado pela Valve em seus ttulos mais populares e tambm licenciado para outros estdios de Jogos. Entre os ttulos da Valve Source esto Counter-Strike: Source, Half-Life 2, Day of Defeat: Source, Portal e Team Fortress 2. Outros jogos baseado no Source incluem The Crossing, Garry’s Mod, Salvation, e The Kill Point: Game. Este avanado Engine de jogo atualmente suporta as plataformas Windows, Xbox 360 e PlayStation 3 , mas no tem suporte para Mac OS X ou Linux.

Read the rest of this entry »

O Linux deve se padronizar em uma nica Distribuio?

Quando eu vou demonstrar um software para o Linux Journal, eu tendo a usar o Ubuntu como meu sistema operacional. A Razo simples porque o Ubuntu extremamente popular, mas trs a questo, a Comunidade Linux deveria se padronizar numa nica Distribuio? Vamos ver alguns prs e contras:

Vantagens de uma Distribuio nica:

  • O suporte ao Linux ser simplificado, a questo “Qual Distribuio” ser irrelevante;
  • Os vendedores de programas poderiam liberar um nico pacote de instalao para ser instalados em todos Linux;
  • A guerra entre apt/rpm/yum/up2date/synaptic ir terminar;
  • A Certificao ser mais fcil de se definir;
  • Tux seria o Logo de todo mundo… :)

Tenho certeza que eu poderia chegar a muitas outras vantagens que a idia “Uma nica Distribuio para substituir todas as outras” iria proporcionar. O problema que as desvantagens so to profundas, que eu acho que tira qualquer validade da primeira lista. Apenas algumas:

Read the rest of this entry »

Ponto de Venda Open-Source: Vale uma Olhada

Cha-Ching. Este o ruido que as companhias open-source espero ouvir quando eles lanam uma nova soluo de ponto de venda para VARs e consumidores de varejo. Mas um sistema POS (PDV) open-source pode competir com os tradicionais, como as opes popular da DELL, Microsoft, IBM, NCR e outras?

O Var Guy no pode afirmar ao certo, mas ele esta vendo um progresso na frente de trabalho Open-source. Aqui uma atualizao:

Openbravo lanou Openbravo POS 2.0. A nova plataforma tem melhorias na interface de usurio, mais opes de relatrios, localizao global das opes, e outras novas funcionalidades podem ser encontradas no site da Openbravo. Openbravo adquiriu a base tecnogica de POS quando ela comprou a LibroPos em 2007. (Hoje em dia, o software conhecido como TinaPOS.)

Enquanto isso, Novell continua seguindo em frente com os seus vrios parceiros de programas de ponto de venda (PDV). Um desse, a 360 Commerce (hoje de propriedade da Oracle), promove a tecnologia POS (PDV) no SUSE Linux. A Novell tambm possue um sistema operacional especifico, chamado de Suse Linux Point-of-Service, que esta atrs da IBM, NCR e SAP.

Enquanto o Linux continua a ganhar impulso no Mundo POS, parece que as aplicaes open-source esto apenas comeando no setor POS. Algumas opes como o Openbravo POS e o PHP Point of Sale, parecem estar ganhando impulso. Mas outros como a BananaPOS, parecem nunca conseguir uma massa critica.

Fonte: The VAR Guy

Resolvi postar essa noticias porque dias atrs eu esta procurando um programa open-source ERP, e sempre quando quero alguma aplicao aberta vou direto na sourceforge.net, e me deparei com o Openbravo ERP que se encaixou perfeitamente na minha necessidade, e visitando o sitio da Openbravo, tambm notei o Openbravo POS e o achei muito interessante, mas no o usei muito a fundo, mas acho que vale uma olhada mais de perto.

E sempre bom ver um programa aberto entrando no mercado do software proprietario, espero realmente que o Openbravo POS e o Openbravo ERP sejam bem aceito no mercado.

Canonical anuncia Ubuntu Mobile para Dispositivos MIDs

Ns sabemos que estava vindo, mas hoje a Canonical oficialmente anunciou o Ubuntu Moblie. Diferente das demais variaes do Ubuntu que possue somente o ambiente grafico diferente, o Ubuntu Mobile complemente re-estruturado para ser usado em MIDs (Mobile Internet Devices) com vrias caracterstica que o distingui das Distribuies de Desktop do Ubuntu. O Ubuntu Mobile continua a ser totalmente open-source, mas pode ter incluido “codecs licenciados”, com fidelidade completa a Web 2.0/AJAX, um estraordinrio tocador de midia, pacote de aplicaes mveis, e integrao com aplicaes populares Web 2.0. O Ubuntu Mobile amigavel ao toque de seu dedo, possue vrias tecnogias para acesso a internet como a WiMax, e oferece tambm uma interface de usurio altamente customizada.

O Ubuntu Mobile vem somente com as aplicaes necessrias, sem comprometer a experincia com a Web 2.0: Navegador Web, cliente de e-mail, camera, VOIP, Mensagens Instantanea, GPS, Blogging, TV Digital, games, contatos, Calendario/Agenda, e um programa simples de atualizao, e muito mais.

Toda complexidade desnecessaria em sua utilizao foi eliminada.

Agora s esperar os MIDs com o Ubuntu embarcado.

Fotos:

Interface do Usurio Cutter

Interface do Usurio Flash

Ubuntu Mobile Interface

Mais informaes voc pode encontar em Ubuntu Mobile webpage.

Fonte: [Phoronix], Ubuntu Mobile

Mais informaes: http://wiki.ubuntu.com/MobileAndEmbedded e Intel’s MID Linux Moblin project

Instalando o Driver RadeonHD no Ubuntu

Como foi falado no Artigo Apresentando o Driver (open-source) da ATI para Linux, RadeonHD, vou disponibilizar um guia (tutorial) para instalao desse novo driver open-source para ATI/AMD sries R500 e R600 para o Ubuntu 7.10 Gutsy Gibbon, quero agradecer o pessoal da Phoronix por disponibilizar esse tutorial, e peo desculpas pelo atraso em disponibilizar esse tutorial.

Enquanto o Driver ATI RadeonHD das sries R500 e R600 so umas grandes notcias, este driver neste momento destinado para desenvolvedores, como ainda experimental e ainda no suporta a acelerao 3D e outra funcionalidade-chave geralmente necessria em ambientes de produo. Contudo, se voc est procurando para testar este novo driver RadeonHD no Ubuntu porque voc est tendo problemas com o driver proprietrio fglrx ou somente desejando informar os seus resultados, documentamos os procedimentos de instalao no Ubuntu. Esta guia baseada do nosso howto Avivo no Ubuntu.

Como o driver Avivo, RadeonHD necessita do servidor X 1.3 ou mais atual. O Ubuntu 7.04 Feisty Fawn vem com o servidor X 1.2 enquanto Ubuntu 7.10 Gutsy Gibbon (que deve ser lanado no prximo ms) vem com o servidor X 1.3. Por isso, voc ter de fazer um upgrade manualmente dos pacotes no Feisty Fawn a partir de um repositrio Gutsy Gibbon ou usar o Ubuntu 7.10. Para os nossos objetivos, tnhamos instalado um LiveCD Ubuntu dirio do dia 15 de Setembro de 2007. Esses passos de instalao so na maioria o mesmo no importa a distribuio Linux (concedido, os nomes de pacote sero diferentes), mas nesta guia estamos enfocando especificamente o Ubuntu.

Read the rest of this entry »